CRIAMOS NOSSO MUNDO ATRAVÉS DE ESPELHOS

As leis da física tradicional são deterministas, perfeitamente capazes de descrever os estados de movimento dos corpos que cotidianamente vemos ao nosso redor, enquanto a física/mecânica quântica é baseada em probabilidades.

https://www.tecmundo.com.br/ciencia/149874-fisica-quantica-explicar-dificuldade-humanos-tomar-decisoes.htm

A física quântica atinge vários fenômenos relacionados aos átomos, moléculas, partículas subatômicas e a quantização de energia.

O átomo é a unidade fundamental da matéria, é a menor fração capaz de identificar um elemento químico

O átomo é formado por pequenas partículas, as partículas subatômicas.

O átomo é composto pelo núcleo, que contém nêutrons e prótons, e por elétrons que circundam o núcleo.

Quando uma partícula que está num determinado nível energético ganha uma quantidade extrema de energia ela salta para um nível mais alto. Esse salto é chamado de Salto Quântico

O retorno dos elétrons às suas posições, desde que não tenham se desprendido do átomo, libera a energia recebida para realizarem o salto.

Essa energia é liberada na forma de fótons, o que ocasiona emissão de luz.

https://www.wemystic.com.br/salto-quantico/

Durante muito tempo acreditava-se que os átomos eram feitos de matéria, e depois foi detectado que a maior parte de um átomo é vácuo

Ainda, o núcleo de um átomo é apenas uma energia condensada, não é matéria.

Assim, matéria e energia são diferentes manifestações da mesma coisa.

MATÉRIA -> ÁTOMO -> PARTÍCULAS SUBATOMICAS -> ENERGIA

A Teoria da Relatividade de Einstein afirma a equivalência de matéria e energia.

https://super.abril.com.br/ciencia/o-eclipse-de-sobral-como-a-teoria-da-relatividade-foi-comprovada-no-ceara/

A quantidade de energia é equivalente a quantidade de matéria vezes a velocidade da luz ao quadrado (E=mc²).

Nós percebemos a matéria como algo sólido porque as vibrações da energia são tão rápidas que não conseguimos percebê-las.

São os graus vibratórios da energia que fazem existir tudo o que há no universo, em estados mais sutis e estados mais denso.

https://www.natgeo.pt/meio-ambiente/2018/06/10-formas-de-contribuir-para-salvar-os-oceanos

Pessoas, animais, plantas, árvores não estão separadas, nós estamos todos vivendo em um oceano contínuo de energia e conectados dentro do campo unificado de ponto zero.

A mecânica quântica foi capaz de provar que pensamentos são energia, e que toda energia possui vibração e por conseguinte a vibração cria o mundo material.

MATÉRIA -> ÁTOMO -> PARTÍCULAS SUBATOMICAS -> ENERGIA -> VIBRAÇÃO -> VÁCUO QUÂNTICO

Sendo assim podemos considerar que tudo no universo possui um campo eletromagnético e uma frequência eletromagnética, inclusive pensamentos e sentimentos.

Se você quiser descobrir os segredos do universo, pense em termos de energia, frequência e vibração.

NIKOLA TESLA
  1. Energia -> capacidade que um corpo, uma substância ou um sistema físico têm de realizar trabalho (tudo é energia);
  2. Vibração -> movimento alternado de um corpo sólido em relação ao seu centro de equilíbrio; oscilação, balanço;
  3. Frequência -> num processo periódico, número de ciclos completos que ocorrem por unidade de tempo transcorrido, cuja unidade para um segundo é o hertz;

Todo o universo é energia. Tudo o que você vê na terra é feito de uma substância original, da qual todas as coisas procedem e que, em seu estado original, permeia, penetra e preenche os espaços do universo. Essa energia pura vibra um campo ao redor dela, um campo vibratório de energia, que atrai e se liga à energia da mesma frequência vibratória.

A diferença entre as manifestações dos níveis físico, mental, emocional e espiritual dessa conectividade, resulta simplesmente de diferentes níveis de energia ou frequências vibratórias.

De acordo com o Dr. David Hawkins, existem 17 níveis de frequência dos sentimentos e emoções em que recebemos aquilo que emitimos.

Quaisquer sentimentos que a gente tenha emitimos vibrações, positivas ou negativas.

São 7 situações que podem afetar a nossa energia ou vibração: pensamentos, pessoas, músicas, impactos visuais, ambiente, o que falamos e a gratidão.

Cada uma dessas vibrações possui uma frequência específica.

https://blog.gustavotanaka.com.br/uma-nova-frequ%C3%AAncia-6fba3ab9a43

Vergonha (20Hz); Culpa (30Hz); Apatia (50Hz); Tristeza (75Hz); Medo (100Hz); Desejo (125Hz); Raiva (150 Hz); Orgulho (175Hz); Coragem (200Hz); Neutralidade (250Hz); Disposição (310Hz); Aceitação (350 Hz); Razão (400Hz); Amor (500Hz); Alegria (540Hz); Paz (600Hz); Iluminação (700Hz)

O pensamento positivo vibra com alta frequência, as suas cores são claras, e brilhantes. O pensamento negativo, em contrapartida, vibra lentamente e suas cores são opacas.

O silêncio mostra que a vibração da luz, calor, magnetismo, a coesão, é o princípio da atração molecular que comumente é chamado amor.

O humor, sons e cores vibrantes são lançados para o espaço. Todos os estados mentais são atirados para fora do corpo que os cria, e as forças aliadas estão vibrando como eles fazem as vibrações emitidas por instrumentos musicais e, portanto, estas vibrações afetam outras mentes, para melhor ou para pior.

Em contraste, as idéias generosas de fraternidade, idéias acerca de Deus e dos Mestres da Sabedoria, leva a um elevado nível de vibração e têm o poder de elevar o nível qualquer vibração negativa, podendo curar doenças, resolver problemas, e assim por diante.

Sentimentos são a alma e a mente, com base naquilo que nós chamamos personalidade.

Para aumentarmos nossa frequência devemos nos concentrar no momento presente, em nossa respiração, na natureza, em ações inspiradoras e em nós mesmos;

VOCÊ SABIA QUE A FREQUÊNCIA DAS MÚSICAS PODE NOS INFLUENCIAR?

Para Giuseppe Verdi (1813-1901) a frequência ideal para os instrumentos deveria ser em  432 Hz. Segundo ele, essa frequência seria melodicamente mais rica e estaria próxima aos sons da natureza, pois seria a mesma frequência do universo, o que transmitiria sensação de bem-estar e paz aos que ouvissem músicas nessa condição.

Em 1939 Joseph Goebbels, determinou que o padrão da frequência sonora alemã fosse alterado para 440 Hz. Em 1940 os Estados Unidos, também adotaram tal frequência e em 1959 a Organização Internacional de Padronização (ISO) determinou que tudo o fosse ligado ao universo musical (gravação, radiodifusão, afinação de instrumentos, etc.) seguisse essa padronização.

Atualmente, Dr. Leonard G. Horowitz, defende a tese de que a frequência de 440 Hz é nocivo aos seres humanos e afirma que a indústria musical está sendo usada para massificar populações inteiras, gerando maior agressividade, agitação psicossocial e sofrimento emocional nas pessoas, podendo gerar até mesmo dor física.

Tudo isso estaria sendo feito de forma subliminar

a música tem o poder de afetar bioenergicamente a química do corpo, a psiconeuroimunologia e nossa saúde. Devido aos sons que nos cercam, nossos corpos estariam vibrando agora musicalmente, de forma audível e subliminarmente, mas seguindo com uma frequência imposta que ecoa em harmonia com a agressão e em dissonância com o amor.

Para Leonard o universo da música deveria adotar o padrão de 444Hz , que seria muito mais “acusticamente agradável, instintivamente atraente, estimulante, refrescante espiritualmente, cientificamente ligada à reparação genética, e sem dúvida, mesmo ressoando amor puro“.

O universo não é feito por coisas, mas por redes de energia vibracional, emergindo de algo mais profundo e sutil”.

( W. HEISENBERG)

Como a música pode nos influenciar, a soma dos pensamentos, sentimentos e o padrão do nosso comportamento diante dos desafios da vida, vai definir os resultados e o impacto sobre todos os acontecimentos que nos cercam.

Lembremos sempre, o universo é um espelho gigantesco e ele vai refletir de volta apenas o que nós enviarmos a ele.

Voila, e assim surge a cocriação.

https://namu.com.br/portal/saude/medicina-integrativa/nossa-vida-muda-a-expressao-dos-genes

https://www.todamateria.com.br/atomo

https://www.todamateria.com.br/fisica-quantica

https://brasilescola.uol.com.br/o-que-e/fisica/o-que-e-fisica-quantica.htm

https://blogs.gazetaesportiva.com/danielcarreirafilho/somos-energia-vital-condensada

https://osegredo.com.br/5-formas-de-aumentar-sua-frequencia-vibracional-energetica

https://whiplash.net/materias/news_801/227390.html

https://super.abril.com.br/ciencia/o-incrivel-salto-do-eletron

https://www.bbc.com/portuguese/geral-48398691

https://osegredo.com.br/lei-da-vibracao-nada-e-estatico-tudo-vibra

https://osegredo.com.br/descubras-as-3-vibracoes-secretas-para-cocriar-os-sonhos-no-universo/

https://www.otempo.com.br/opiniao/leonardo-boff/a-materia-nao-existe-tudo-o-que-existe-e-energia-1.217793#:~:text=Mat%C3%A9ria%20%C3%A9%20energia%20altamente%20condensada,%2C%20lamentavelmente%2C%20a%20bomba%20at%C3%B4mica.

Deixe uma resposta